18.1.11

Invasões Bárbaras

Não quero confundir e amalgamar nossas identidades
A mim me basta que nos identifiquemos
Não quero ser o país exótico a ser conquistado
Nem tampouco que teu império me absorva e domine
Não quero o pedestal dos deuses distantes
Nem o drama shakespeariano correndo nas veias.
Tampouco quero o comum tedioso;
Me satisfaz a calmaria do beijo que nunca recebi.

Nenhum comentário:

Compartilhe!