18.10.10

Missing files

Eu, definitivamente, não sou uma pessoa organizada.

Na verdade, nunca fui; acho que CAOS é meu nome do meio. OK, talvez eu tenha nomes do meio demais, mas se eu precisasse escolher só um que defina minha situação, seria Caos. Até porque Esbórnia, Accident-prone e Desordem são todos manifestações desse meu caos interior. Mas isso é digressão. O fato é que uma professora minha certa vez disse que o ser humano não sabe lidar bem com o caos - é preciso encontrar lógica, ou criar lógica, em pelo menos um aspecto do que nos cerca para que possamos funcionar. Eu achava que quem formulou essa teoria o fez simplesmente porque não me conhecia. No entanto, esta manhã, enquanto enfiava as coisas de qualquer jeito na mochila, vi que eu não poderia estar mais equivocada.

Meu quarto existe num avançado estado de entropia permanentemente. Meu armário, a despeito dos meus esforços em organizá-lo, tem uma aparência constante de cidade saqueada por uma horda de piratas sanguinários e famintos. Meus cadernos de anotações misturam poesia, desenhos, rabiscos ininteligíveis, bilhetes apressados e números de telefone. E eu me recuso a entrar no mérito da questão da minha vida sentimental porque senão esse texto vai ficar quilométrico.

No entanto, Cheshire - sim, meu computador tem nome de gato - é impecavelmente organizado. Meus livros se dividem por tema e ano de publicação. Os CDs, ordem alfabética. DVDs, ordem alfabética e gênero. Sou doentiamente organizada com meus objetos de cultura e entretenimento, mesmo que o resto de minha vida seja a perfeita definição de balbúrdia.

Ou, pelo menos, era assim. Até hoje de manhã, quando descobri que não fazia a menor idéia de onde estava o case de seriados. Que eu precisava encontrar pra pegar uma temporada que fiquei de emprestar pra uma amiga. Sempre me orgulhei de manter pelo menos essa parte da minha vida organizada, e agora me pego revirando armário, escrivaninha e todo o resto.

E revira a bolsa, e revira a cama, e revira até a geladeira. Nada do case.

Se alguém visualizar um case de CDs andando por aí, por favor, peçam a ele pra voltar pra casa. Sinto falta das minhas mp3.

Nenhum comentário:

Compartilhe!